terça-feira, 28 de março de 2017

Uma sauna ao ar livre


Não sou eu.
Saquei do site da Poça Dona Beija.
Mas fiz esta sauna ao ar livre.
É uma das coisas mais prazeirosas que fiz.
Açores, tenho de voltar.
É muito amor.

segunda-feira, 27 de março de 2017

sexta-feira, 24 de março de 2017





Falo contigo sem me dar conta. Penso sempre em guardar coisas para te contar. Evito sempre ler a palavra Mãe. Não são poucas as vezes que fecho os olhos, sinto um arrepio, penso em ti e digo-te sempre que tenho muitas saudades. Tenho umas saudades que parece que nunca vão terminar. Parece que passo os dias à espera que o dia acabe, para chegar a ti. Mas sei que não chego. É como esperar para dar em nada. Um caminho sem fim à vista. Ou então pensar, é já ali ao virar da esquina, e quando viramos, a estrada contínua. O virar da esquina, é só mesmo isso. Virar a esquina. Sinto saudades. Penso sempre que estás comigo, quero muito acreditar. Talvez porque isso me facilite imenso a grande saudade que tenho de ti. São muitas as saudades. De dar a mão. De dar beijos. De dar abraços apertados. Tenho saudades do teu riso. Tenho saudades de tudo em ti. De ti. E inconscientemente falo contigo. Choro, porque fico frustrada. Choro porque me falta o contacto. Porque me falta o colo. Porque me faltas tu. Que devias ficar comigo para sempre. Porque só no coração, não me chega.

quinta-feira, 16 de março de 2017

16, gosto do dia 16 de Março


É o dia de anos, da minha querida amiga. Ela é muito para mim. Inclusive a ponte entre mim e a minha mãe. Ela faz-me sentir perto da minha mãe. Ela aviva as minhas memórias. Ela procura em mim, quem eu fui. Ela não desiste de mim. Ela gosta e aceita-me exatamente como sou. E se não gosta não gosta. É pessoa para me dizer " se pudesse pegava-te ao colo e íamos por ai...só para te ver a rir" , " querida...insuportável...alegre...mimada...gira...bom coracao...tudo, as qualidades e os defeitos...simplesmente perfeita😁", "és a minha querida". Como não me sentir bem? Hoje ela faz anos. Cantei os parabéns e enviei....dona de uma sinceridade muito própria, diz "adorei, mas cantas mal😞....". Eh pá. Adoro-a. Ela diz-me sempre o que pensa, traz-me para a realidade. Nem que seja preciso dar um murro no estomago. Ela dá. E depois consegue fazer o resto. O colo. Acompanhar. Exigir. Não me abandonar. O que eu me ri com ela estas férias. Não sei dizer. Eu ri-me muito. Num rir delicioso. Fui muito feliz. E hoje é o dia dela. E desejo-lhe tudo de bom. Porque o merece. Mesmo. Ela merece tudo de bom, e o que está a receber é seu por direito. Tenho-lhe um carinho imenso, do tamanho do mundo. Gosto verdadeiramente, genuinamente dela. Sempre foi assim. É uma pessoa expressiva, e mostra sempre o que se passa, nos traços da cara. Farto-me de rir. 
Adoro-a muito. Ela faz-me muito bem. Faz-me feliz. E são estas pessoas, que fazem sentido na vida de alguém. QUem nos acrescenta.
Deus me permita viver, para estar com ela muitos e muitos anos. Sou muito grata pelo bem que me faz. 

Feliz dia minha querida amiga!

Eu também nunca me esqueço de ti :-) Nunca.


terça-feira, 14 de março de 2017

Como os Açores me conquistou



Foi uma semana maravilhosa. Mágica, penso que seja a palavra ideal. Estive com a minha irmã do coração. Na verdade a vida é maravilhosa. É mesmo. Ela faz com que o que seja preciso, esteja mesmo ao teu lado. E esteve. Ela esteve lá. Era tudo o que eu precisava. E nisto tudo, um Açores fabuloso. Eu já achava que era lindo, mas nunca pensei que fosse tão lindo. Nunca pensei que as pessoas fossem e são tão especiais. São humildes, acolhedoras, simpáticas, amáveis, conversadoras. Vi paisagens lindas. Mergulhei em todas as poças, piscinas naturais. Não sei descrever, o que é estar na piscina do Terra Nostra, de água laranja a 39º e ter à minha volta um dos mais magníficos jardins que vi até hoje. É arrebatador. Fiquei sem palavras. A ideia era absorver tudo o que de bom me estavam a oferecer. Visitámos as lagoas, a do Congro é maravilhosa... Fiquei sem palavras quando desci todo aquele trilho, no meio de toda a vegetação. A comida é maravilhosa. Em especial a Associação Agricola....meu Deus que bife do lombo, que cerveja artesanal, as lapas.... E o queijo de São Jorge, comprado no Rei dos Queijos. Como ele diz, o miúdo à frente da banca, rei só há um. De uma simpatia maravilhosa. O ananás é qualquer coisa. O queijo fresco apresentado numa folha, com pasta de pimentão. O pão levedo. As Furnas. O cozido das Furnas. O Tonys é o maior! E o Kima maracujá e a laranjada do Melo Abreu, bem como a cerveja. A partilha de todos, a alegria de todos. As conversas de horas, no Gorreana, com um Açoriano apaixonado por Lisboa. Tudo lá, me fez sentir em casa. Mesmo num percalço, ter ficado com carro atolado, em direcção ao Pico da Vara, apareceram bombeiros, um senhor que tem pastagens de vacas....os bombeiros ajudaram a custo zero..." estamos cá para ajudar Senhora, disseram eles"...e o Senhor das Vacas....levou-nos até às pastagens dele, mexemos nas vacas, ordenhamos, provamos leite, e ainda trouxemos tabaco artesanal, porque o mesmo quis, porque quis oferecer. Com uma humildade estonteante. Os Açores enche-nos o coração. Arrebata tudo o que há em nós. Dá-nos vontade de viver lá. Hoje, aqui, compro tudo, tudo, o que seja dos Açores.... Como me disseram " Senhora o que é dos Açores é o melhor..:" isto dito com sotaque açoriano,  é delicioso. Mesmo. Quero muito lá voltar. Até porque de muitas flores que vi, há ainda muitas mais por florir. E todas as estradas estão cheias de hortenses. Espero voltar. Em breve. Ser feliz, pode muito bem passar pelos Açores.


                    Portas da Cidade, que eu tão carinhosamente apelidei das Portas do Sol 



               

                                                                   Parque Terra Nostra













                                                                 Furnas/ Lagoa das Furnas












                                                              Camélias por todo o lado!




                                                    O Gandalf das Furnas! O maior!





Poça Dona Beija





Lagoa do Congro









Lagoa das Sete Cidades







 Salto do Cabrito






Salto do Cavalo



Miradouro Ponta do Sossego








Caldeira Velha




 Gorreana, plantação de chá






 Louvre Michaelense









Associação Agricola








 Tonys










Várias



Caldeiras


A minha casa ...no futuro....


                                                                   Casa invertida

Água com gás


Igreja






Plantação de Inhame, utilizado no cozido...muito bom.


 Faltou a Lagoa do Fogo...estava mau tempo...e o atolamento, perdemos um dia.
(Estas fotografias estavam no telemovel, tenho mais 1500 em máquina. Mas penso que estas chegam...ehehehe)